Arquivo

Archive for agosto \03\UTC 2010

O nome disso é bloqueio ou frustração?

Imagino 20 riffs por dia. Não lembro deles ao chegar em casa e empunhar meu baixo ou meu violão. Já escrevi épicos do doom metal, death metal, black metal e eles desapareceram. Deveria ter feito aquele curso de Música cujo professor dizia que se eu soubesse partitura, daria um jeito de escrever o que eu imaginava até na lateral tênis.

Penso em algumas frases e anoto em algum lugar, com intenção de fazê-las aumentarem e se tornarem um post. Elas viram frases de Twitter, com 1 ou 2 retweets e se perdem no imenso das interwebs.

Quando eu crio um post, ao ler o artigo como se fosse um leitor (coisa rara por aqui), descubro que a forma e a linguagem que eu utilizei deixou o escrito confuso, porque meu cérebro não segue mais um pensamento linear. Acabo por deixar o post na geladeira, aguardando eternamente por uma lapidação.

Crio conceitos de aplicações, armazeno as idéias no Tarefas do Google Mail Labs e elas ficam lá, criando moscas. Quando vou começar a levantar os requisitos e de fato, a engenhá-las, surgem fortíssimas distrações ou ocupações mais importantes. Entre códigos pagos, deploy e momentos, penso na minha aplicação e esqueço de anotar estas idéias.

Se não é bloqueio, é frustração. E eu continuo implorando para que alguém me dê um reset mental (não é restart, tá).

Anúncios
Categorias:Divagações
%d blogueiros gostam disto: